Muro Azul 02 - Muro Azul

Atendimento

O Dia das Mulheres é uma ocasião importante para refletir sobre as conquistas femininas e também para destacar os desafios ainda enfrentados. Uma dessas dificuldades é conciliar a vida agitada com a atividade física. 

Muitas mulheres têm uma rotina corrida e enfrentam múltiplas demandas em suas vidas diárias, o que pode dificultar encontrar tempo para se exercitar. No entanto, a atividade física é fundamental para a saúde e o bem-estar, não apenas físico, mas também mental e emocional. 

No entanto, a atividade física é fundamental para a saúde e o bem-estar das mulheres, não apenas físico, mas também mental e emocional. Além de ajudar a prevenir doenças como obesidade, diabete e doenças cardíacas, a prática regular de exercícios também pode reduzir o estresse, melhorar o humor e aumentar a autoestima.

Neste artigo, entender algumas dicas práticas para ajudar as mulheres a conciliarem suas vidas ocupadas com a prática regular de exercícios, permitindo que possam desfrutar dos benefícios para a saúde que essa prática oferece.

Organize o seu tempo

Uma das principais barreiras para a prática de exercícios é a falta de tempo. Por isso, é importante organizar a sua rotina para incluir momentos para se exercitar. 

Reserve um horário fixo na sua agenda para realizar atividades físicas, seja antes ou depois do trabalho, durante a hora do almoço ou nos finais de semana. 

Lembre-se de que o exercício físico é uma parte importante do seu bem-estar e que investir em sua saúde é uma escolha inteligente a longo prazo.

Escolha atividades que você goste

Outra forma de tornar a prática de exercícios mais fácil e agradável é escolher atividades que você goste. Não é necessário se matricular em uma academia se você não gosta de malhar. Existem muitas outras opções, como caminhadas, corridas, natação, dança, yoga, entre outras. Encontre algo que lhe dê prazer e motivação para se manter ativa.

Envolva outras mulheres

Encontrar amigos ou familiares que compartilham dos mesmos objetivos de saúde pode ser uma ótima forma de manter-se motivada e de tornar a prática de exercícios mais divertida. Além disso, ter um companheiro de treino pode ajudar a manter a consistência na rotina e a tornar os exercícios mais desafiadores e interessantes.

Priorize a sua saúde mental

As mulheres frequentemente enfrentam múltiplas demandas em suas vidas, incluindo trabalho, família, relacionamentos e outras responsabilidades, o que pode levar a altos níveis de estresse e ansiedade. 

Por isso, é importante incluir na rotina atividades que ajudem a cuidar da saúde mental, como meditação, ioga, terapia ou simplesmente momentos de relaxamento. A saúde mental e física estão interligadas, e investir em ambas é fundamental para uma vida saudável e equilibrada.

Faça pequenas mudanças

Se você tem uma rotina agitada e pouco tempo disponível, pode ser difícil encontrar espaço para a prática de exercícios. No entanto, pequenas mudanças podem fazer uma grande diferença. 

Tente incorporar mais atividade física na sua rotina diária, como subir escadas em vez de usar o elevador, caminhar até o trabalho em vez de dirigir, ou ainda realizar atividades físicas enquanto assiste TV ou durante as pausas no trabalho.

Lembre-se de que você merece cuidar de si mesma

Muitas mulheres colocam as necessidades dos outros antes das suas próprias, o que pode levar a um descuido com a própria saúde e bem-estar. 

É importante lembrar que cuidar de si mesma não é egoísmo, mas sim uma forma de manter-se saudável e feliz para poder desempenhar melhor as suas responsabilidades. Priorize a sua saúde e bem-estar, e não se esqueça de que você merece esse cuidado.

Conciliar a vida agitada com a prática de atividades físicas pode ser um desafio para as mulheres, mas é fundamental para a saúde e bem-estar a longo prazo. 

O Dia Internacional da Mulher é uma ótima oportunidade para lembrar da importância de cuidar da própria saúde e fazer escolhas saudáveis. Use essas dicas para encontrar tempo e motivação para se exercitar e cuidar de si mesma. 

Você merece investir na sua saúde e felicidade.

Dia das Mulheres: por que optar pela Academia Muro Azul?

A Academia Muro Azul pode ser uma excelente escolha para as mulheres que buscam cuidar da saúde e do bem-estar. Aqui estão algumas razões pelas quais a academia pode ser uma ótima opção para as mulheres:

Ambiente seguro e acolhedor

Oferecemos um ambiente seguro e acolhedor, que faz com que as mulheres se sintam confortáveis e motivadas a se exercitar. A academia é bem iluminada com câmeras de segurança, além de contar com vestiários femininos e armários individuais, garantindo privacidade e segurança.

Variedade de atividades físicas

Temos uma ampla variedade de atividades físicas, incluindo musculação, treino funcional, natação e outras opções que podem atender às diferentes necessidades e preferências das mulheres. 

Treino para as crianças

Aqui, temos aulas exclusivas para as crianças, então você pode trazer os filhos para aproveitar a infância de maneira saudável e ainda ter tempo para praticar seus exercícios!

Flexibilidade de horários

Muitas mulheres têm rotinas agitadas e precisam conciliar diversas atividades ao longo do dia. Disponibilizamos horários flexíveis, permitindo que escolher o melhor momento para se exercitar. A academia abre cedo e fecha tarde, incluindo opções de treino também nos finais de semana.

Gostou? Entre em contato conosco por WhatsApp e agende uma visita! (11) 9 4735 – 9884

Embora manter uma rotina regular de musculação durante a gravidez seja importante para manter a forma, você terá que fazer alguns ajustes para acomodar as mudanças no corpo.

É um conselho comum evitar levantar objetos pesados ​​à medida que a gravidez avança; então sua rotina de exercícios vai se ajustar. 

Felizmente, existem muitas maneiras de modificar seus treinos sem deixar de suar! Aqui está o que você precisa saber praticar musculação durante a gravidez com segurança.

Musculação durante a gravidez pode?

Primeiramente, exercícios são sempre bem-vindos, desde que, primeiro, você esclareça isso com seu médico e não esteja enfrentando nenhum problema de saúde relacionado à gravidez.

Além disso, se for possível fazer os exercícios, será necessário cautela levantando pesos mais leves, prestando mais atenção na sua prescrição ou tentando novas rotinas para acomodar sua capacidade de mudança. Você também pode considerar consultar um profissional de fitness certificado para pré-natal.

Se você é completamente novo no levantamento de peso, então a gravidez não é o momento para começar um programa extremo. Em vez disso, experimente rotinas de exercícios mais leves, como ioga pré-natal ou caminhada.

Lembre-se de que cada gravidez é diferente. Certifique-se de consultar seu médico sobre suas circunstâncias caso tenha alguma dúvida sobre levantar pesos durante a gravidez.

Benefícios

A musculação durante a gravidez não só pode ajudá-la a ficar em forma, mas, também, a preparar seu corpo para a maternidade, mas é importante ser feito da forma certa e com o peso adequado, afinal, o execício ajudará a fortalecer sua resistência. Isso é algo que você definitivamente precisará para o trabalho de parto.

Aqui estão mais alguns benefícios da musculação durante a gravidez:

Fortalece os músculos das costas

A dor lombar é uma queixa comum durante a gravidez, afetando aproximadamente dois terços de todas as grávidas. 

Isso ocorre porque um útero em crescimento e seios aumentados, podem mudar seu centro de gravidade e aumentar a curvatura de suas costas, colocando pressão extra nos músculos das costas. 

Levantar peso pode fortalecer os músculos das costas e aumentar a força do núcleo, ajudando a suportar o peso adicional de seu corpo em mudança.

Mão de obra facilitada

Pesquisas mostram que o treinamento de resistência, tem um efeito positivo nos resultados do trabalho de parto, diminuindo a chance de cesariana e também o tempo de internação; 

E tente não se preocupar em entrar em trabalho de parto devido ao seu treino; estudos também mostram que exercícios resistidos não aumentam o risco de trabalho de parto prematuro. 

Melhor controle de peso

O ganho de peso na gravidez é esperado e importante para apoiar o crescimento do bebê. 

Muito ganho de peso, no entanto, pode levar a problemas de saúde, como diabete gestacional e hipertensão, aumentando o risco de obesidade no bebê. Também, pode aumentar o risco de obesidade após a gravidez.

Muito pouco ganho de peso, pode fazer com que seu filho fique muito pequeno, aumentando o risco de doenças e podendo levar a atrasos no desenvolvimento. 

Um programa regular de exercícios, incluindo treinamento de força com pesos, pode ajudar a controlar o ganho excessivo de peso durante a gravidez. Também há evidências de que manter um peso inferior durante a gravidez pode ajudar a prevenir a pré-eclâmpsia.

Exercícios a evitar durante a gravidez

Cada gravidez é diferente. Sua condição fisiológica e de saúde determinarão o tipo de exercícios que você pode realizar durante a gravidez. 

No entanto, existem certos cuidados que todas devem tomar ao iniciar qualquer rotina de exercícios durante a gravidez, incluindo o treinamento com pesos. Essas medidas reduzem o risco de complicações e lesões para você e seu bebê.

Evite deitar de barriga ou de costas

Deitar de costas no segundo e terceiro trimestre faz com que o útero comprima a veia cava, uma veia principal que transporta sangue desoxigenado para o coração. Isso reduz o fluxo de oxigênio no sangue para o bebê. Evite exercícios em posição supina, como supino ou trabalho prolongado no solo.

Em vez disso, modifique sua posição para ficar inclinada, sentada ou ereta. Por exemplo, um supino pode ser realizado em um banco inclinado após 12 semanas. Após 20 semanas, você pode praticá-lo com uma inclinação maior.

Também é importante não usar máquinas que exercem pressão excessiva sobre a região lombar e aquelas com uma almofada que pressiona a barriga.

Cuidado com os abdominais

Durante a gravidez, os músculos do meio do estômago se esticam para criar espaço para um útero em crescimento. É comum que o reto abdominal se separe, e isso é chamado diástase dos retos.

A condição também pode ser causada pelo levantamento incorreto de pesos pesados ou pela realização de exercícios abdominais inseguros, ou excessivos. Isso inclui movimentos que exigem que você se deite de barriga para baixo após o primeiro trimestre.

Muitos treinadores recomendam focar no fortalecimento do assoalho pélvico e dos músculos centrais, em vez dos exercícios abdominais tradicionais.

Use pesos mais leves

Durante a gravidez, a placenta produz um hormônio chamado relaxina, que afrouxa as articulações e os ligamentos em preparação para o parto. Como resultado, qualquer exercício de alto impacto, incluindo treinamento com pesos, pode torná-lo mais propenso a lesões, distensões e entorses.

Para evitar sobrecarregar as articulações soltas, os treinadores sugerem usar pesos mais leves e efetuar mais repetições. A recomendação é trabalhar na faixa de 10 a 12 repetições. Também é vital estar atenta ao alongamento excessivo e manter uma região lombar forte.

Se você não tem certeza sobre o uso de pesos e ainda deseja incluir treinamento de resistência na rotina, tente exercícios de peso corporal usando seu corpo como resistência.

Evite levantar pesos acima da cabeça

À medida que o útero se desloca para frente, ele também altera a orientação da pelve e pode causar mais estresse na região lombar e na pelve. Além disso, o ganho de peso se concentra na barriga durante a gravidez, alterando o centro de gravidade.

Isso altera sua postura e equilíbrio, o que pode levar a uma parte inferior das costas arqueada, ombros caídos e dor lombar. Levantar pesos acima da cabeça pode aumentar a curvatura da parte inferior da coluna e exacerbar o estresse lombar. Evite exercícios como ombros após o primeiro trimestre.

Para mais dicas de exercícios de musculação durante a gravidez, fale com a Academia Muro Azul. Mas lembre de ter o aval do seu médico antes de praticar os exercícios. Esperamos por você!

1