Muro Azul 02 - Muro Azul

Atendimento

O Dia das Mulheres é uma ocasião importante para refletir sobre as conquistas femininas e também para destacar os desafios ainda enfrentados. Uma dessas dificuldades é conciliar a vida agitada com a atividade física. 

Muitas mulheres têm uma rotina corrida e enfrentam múltiplas demandas em suas vidas diárias, o que pode dificultar encontrar tempo para se exercitar. No entanto, a atividade física é fundamental para a saúde e o bem-estar, não apenas físico, mas também mental e emocional. 

No entanto, a atividade física é fundamental para a saúde e o bem-estar das mulheres, não apenas físico, mas também mental e emocional. Além de ajudar a prevenir doenças como obesidade, diabete e doenças cardíacas, a prática regular de exercícios também pode reduzir o estresse, melhorar o humor e aumentar a autoestima.

Neste artigo, entender algumas dicas práticas para ajudar as mulheres a conciliarem suas vidas ocupadas com a prática regular de exercícios, permitindo que possam desfrutar dos benefícios para a saúde que essa prática oferece.

Organize o seu tempo

Uma das principais barreiras para a prática de exercícios é a falta de tempo. Por isso, é importante organizar a sua rotina para incluir momentos para se exercitar. 

Reserve um horário fixo na sua agenda para realizar atividades físicas, seja antes ou depois do trabalho, durante a hora do almoço ou nos finais de semana. 

Lembre-se de que o exercício físico é uma parte importante do seu bem-estar e que investir em sua saúde é uma escolha inteligente a longo prazo.

Escolha atividades que você goste

Outra forma de tornar a prática de exercícios mais fácil e agradável é escolher atividades que você goste. Não é necessário se matricular em uma academia se você não gosta de malhar. Existem muitas outras opções, como caminhadas, corridas, natação, dança, yoga, entre outras. Encontre algo que lhe dê prazer e motivação para se manter ativa.

Envolva outras mulheres

Encontrar amigos ou familiares que compartilham dos mesmos objetivos de saúde pode ser uma ótima forma de manter-se motivada e de tornar a prática de exercícios mais divertida. Além disso, ter um companheiro de treino pode ajudar a manter a consistência na rotina e a tornar os exercícios mais desafiadores e interessantes.

Priorize a sua saúde mental

As mulheres frequentemente enfrentam múltiplas demandas em suas vidas, incluindo trabalho, família, relacionamentos e outras responsabilidades, o que pode levar a altos níveis de estresse e ansiedade. 

Por isso, é importante incluir na rotina atividades que ajudem a cuidar da saúde mental, como meditação, ioga, terapia ou simplesmente momentos de relaxamento. A saúde mental e física estão interligadas, e investir em ambas é fundamental para uma vida saudável e equilibrada.

Faça pequenas mudanças

Se você tem uma rotina agitada e pouco tempo disponível, pode ser difícil encontrar espaço para a prática de exercícios. No entanto, pequenas mudanças podem fazer uma grande diferença. 

Tente incorporar mais atividade física na sua rotina diária, como subir escadas em vez de usar o elevador, caminhar até o trabalho em vez de dirigir, ou ainda realizar atividades físicas enquanto assiste TV ou durante as pausas no trabalho.

Lembre-se de que você merece cuidar de si mesma

Muitas mulheres colocam as necessidades dos outros antes das suas próprias, o que pode levar a um descuido com a própria saúde e bem-estar. 

É importante lembrar que cuidar de si mesma não é egoísmo, mas sim uma forma de manter-se saudável e feliz para poder desempenhar melhor as suas responsabilidades. Priorize a sua saúde e bem-estar, e não se esqueça de que você merece esse cuidado.

Conciliar a vida agitada com a prática de atividades físicas pode ser um desafio para as mulheres, mas é fundamental para a saúde e bem-estar a longo prazo. 

O Dia Internacional da Mulher é uma ótima oportunidade para lembrar da importância de cuidar da própria saúde e fazer escolhas saudáveis. Use essas dicas para encontrar tempo e motivação para se exercitar e cuidar de si mesma. 

Você merece investir na sua saúde e felicidade.

Dia das Mulheres: por que optar pela Academia Muro Azul?

A Academia Muro Azul pode ser uma excelente escolha para as mulheres que buscam cuidar da saúde e do bem-estar. Aqui estão algumas razões pelas quais a academia pode ser uma ótima opção para as mulheres:

Ambiente seguro e acolhedor

Oferecemos um ambiente seguro e acolhedor, que faz com que as mulheres se sintam confortáveis e motivadas a se exercitar. A academia é bem iluminada com câmeras de segurança, além de contar com vestiários femininos e armários individuais, garantindo privacidade e segurança.

Variedade de atividades físicas

Temos uma ampla variedade de atividades físicas, incluindo musculação, treino funcional, natação e outras opções que podem atender às diferentes necessidades e preferências das mulheres. 

Treino para as crianças

Aqui, temos aulas exclusivas para as crianças, então você pode trazer os filhos para aproveitar a infância de maneira saudável e ainda ter tempo para praticar seus exercícios!

Flexibilidade de horários

Muitas mulheres têm rotinas agitadas e precisam conciliar diversas atividades ao longo do dia. Disponibilizamos horários flexíveis, permitindo que escolher o melhor momento para se exercitar. A academia abre cedo e fecha tarde, incluindo opções de treino também nos finais de semana.

Gostou? Entre em contato conosco por WhatsApp e agende uma visita! (11) 9 4735 – 9884

A natação para iniciantes é voltada para pessoas de qualquer idade, por isso, não se acanhe se você tiver 50 anos e quiser aprender a nadar.

Pequeno ou grande, como aprender a nadar? Enquanto alguns simplesmente querem dar o primeiro nado borboleta, outros, por medo da água, acham difícil dar um mero mergulho.

Estudos indicam que mais de um em cada cinco adultos não sabe nadar. A natação é uma atividade que deve ser aprendida desde cedo.

Mas nunca é tarde para pôr os pés na água. Aqui você verá diversas dicas e exercícios para aprender a nadar, independentemente da sua idade.

QUE IDADE É BOA PARA APRENDER NATAÇÃO PARA INICIANTES?

Seja na piscina ou no mar, é possível aprender natação para iniciantes desde muito cedo.

Mas para que uma criança possa realmente reter o que lhe é mostrado e saber como coordenar seus movimentos, é aconselhável ensiná-la a partir dos 5 anos.

Antes, nada impede que você o leve para ter contato com a água, seja na piscina ou no mar, mas em um espaço seguro, tanto para ele quanto para você.

Lembramos ser essencial colocar braçadeiras no seu filho. Você jamais deve desviar o olhar e aumentar a vigilância, especialmente durante os primeiros anos de natação.

A NATAÇÃO PARA INICIANTES É RECOMENDADA LOGO CEDO

Temos o exemplo dos nadadores bebês, que, mesmo que nem o próprio nome consiga falar, mergulham na água desde cedo.

Este despertar é uma vantagem para o seu filho, que se manterá em contato com a água e não terá medo quando começar a crescer e realmente aprender a nadar.

Cuidado, porém, com as sessões em piscinas municipais, pois o cloro jogado na água não é bom para os pequenos.

Dê preferência às piscinas que não recebam cloro e não hesite em acostumar o seu bebê a sua banheira, sempre acompanhado, claro.

Por outro lado, você pode muito bem aprender a nadar mesmo quando tiver mais de 50, 60 anos, por exemplo.

O único limite para aprender a natação para iniciantes é o seu desejo, porque se um em cada cinco adultos não sabe nadar, muitas vezes é porque tem medo de água.

Você terá que ir passo a passo, sem pressa. Na maioria dos casos, os adultos precisam de um profissional para aprender a nadar e superar certos medos e traumas.

COMO APRENDER A NADAR QUANDO ADULTO?

Como dissemos antes, a única coisa de que você necessita é vontade. É preciso ter coragem para ir até uma piscina municipal e pedir aulas quando for adulto.

Não se preocupe, há muito mais de você do que você pensa. A primeira coisa a fazer é pedir para assistir a uma aula, sem tomar banho.

Você poderá então ver o professor em ação e determinar se isso é realmente o que você deseja.

SUPERANDO SEU MEDO DE ÁGUA

Quer arriscar e fazer suas primeiras aulas? A primeira coisa que o professor fará, antes de ensiná-lo a nadar, é perder o medo da água.

Você terá que superar, ao lado dele, seu medo de água, se for o caso. Ele fará com que você faça exercícios aparentemente simples, mas que lhe permitirão relaxar e entrar gradualmente na água sem apreensão.

A coisa mais importante quando você quer aprender a nadar é construir uma relação de confiança com seu professor de natação.

É essa relação, aliada a seu desejo, que determinará o grau de sucesso do seu projeto.

As aulas podem ser distribuídas ao longo do tempo, mesmo que o professor o aconselhe de uma a duas sessões por semana, de 30 minutos cada.

Durante suas primeiras aulas, o objetivo final será mergulhar totalmente na água (onde você está com os pés).

Depois virá a etapa da cabeça debaixo d’água (não obrigatória). Você pode então começar o aprendizado real da natação.

Seu instrutor começará ensinando você a flutuar, usando diferentes acessórios. Entre os mais conhecidos, o espaguete é muito popular e prático.

Aos poucos, você faz os mesmos exercícios que o mais novo, que também quer aprender a nadar.

SEU FILHO DANDO AS PRIMEIRAS BRAÇADAS

É com muito orgulho que vemos nossos filhos alcançarem suas primeiras braçadas.

Mas antes de chegar lá, é fundamental passar por várias etapas. É bem possível ensinar seu filho sozinho, mesmo que aconselhamos, apesar de tudo, ter um professor, pelo menos por algumas aulas, o tempo em que a criança integra todos os movimentos.

Será muito mais difícil depois corrigir movimentos ruins. Aconteça o que acontecer, os passos são os mesmos.

O QUE FAZER ANTES DE ENTRAR NA ÁGUA

Para que uma criança (ou um adulto) aprenda a nadar, ela deve entender o que é exigido dela.

A natação para iniciantes mostra que tudo funciona graças à coordenação de braços e pernas. Não hesite em mostrar ao seu filho os gestos fora da piscina, para que ele possa usar sua memória visual.

Ele reproduzirá muito melhor o que conseguiu ver. Também você deve orientá-lo, ajudando-o a fazer a coisa certa. Assim, sua memória muscular também o ajudará a aprender mais rápido.

Gostou deste post? Por favor, comente abaixo, OK

1